Escrever


Saber escrever é mais
do que seguir regras frias.
Escrever é saber brincar com as palavras
de um jeito que cative e emocione
qualquer coração.

Mariana Borges

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Tempo Certo


Não sei se tem tempo certo
para que uma pessoa comece
a ser considerada importante na nossa vida.

Não sei quanto tempo leva
para que seja o momento certo de dizer "te amo."

As coisas do coração
chegam sem explicação,
simplesmente acontecem.

Não dá mesmo para definir
o tempo em que as coisas vão acontecer,
em que momento você vai se tocar e perceber
que foi fisgado por alguém.

Carinho, confiança, admiração,
amor vem com o tempo...
Vai acontecendo gradativamente,
sem que possamos nos dar conta.

E acho estranho que algumas vezes
tudo isso que levou tempo,
mas não se sabendo o quanto
para acontecer
some do nada.

Todo esse sentimento bom desaparece
por causa de pequenos detalhes
que vão se acumulando um pouco a cada dia
e quando vemos não dá mais para voltarmos atrás.

O carinho já não faz mais sentido,
a confiança fora quebrada,
a admiração se esvaiu,
o amor acabou...

A vida é meio estranha se paramos para pensar assim:
Tudo começa lindo e com o tempo vai aumentando,
mas de repente as coisas começam
a não mais ser como antes
e todo aquele encanto acaba.

Eu poderia dizer que o bom mesmo
é não gostarmos de ninguém,
não nos deixarmos levar por sentimento nenhum
que nos faça sofrer,

Mas penso: Quem não sofreu nessa vida,
nunca poderá dizer que a viveu...
Porque as marcas das cicatrizes que carregamos
é a prova de que lutamos e saímos vivos da luta,
mesmo que faltando um pedaço de nós,
mesmo que com o coração partido...

Mariana Borges

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Sonho Surreal


Você foi o meu sonho surreal
minha fantasia
minha ilusão
minha gota de esperança
minha decepção.

Você foi
o meu bem e o meu mal
minha salvação e meu abismo.

Você foi o meu sonho desigual
minha realidade abstrata
meu encantamento pelo absurdo.

Foi minha fé e minha ira
minha tolerância
minha alegria e minha tristeza.

Você foi o meu sonho surreal
meu sonho desigual
o meu sonho que deixou de acontecer.

Mariana Borges


Permissão


Muitas pessoas vão querer
apagar o seu brilho,
borrar o teu sorriso,
manchar sua dignidade
e duvidar do teu caráter...

Muitos vão estranhar o teu silêncio
e querer se beneficiar da tua amizade.
Vão querer roubar os teus sonhos,
brincar com teus sentimentos
e debochar da tua fé.

Mas não se permita derrubar...
Porque as rasteiras que levamos nessa vida,
muitas vezes as ganhamos com nossa própria permissão...
ou pelo simples fato de nos deixar enganar,
por coisas e pessoas que não nos querem bem.

Mariana Borges

terça-feira, 29 de outubro de 2013

O melhor para ambos


É melhor que tudo fique como está.
Que não se fale mais nada,
que não se brinque mais com as palavras,
que não nos olhemos mais.
Que você vá para longe de mim
com esse lindo sorriso...
Sorriso que se fez ausente
justo quando deveria estar presente.
E que fique tudo exatamente no seu lugar...
E que não cometamos mais enganos.
E que sejamos capazes de não nos perdermos mais.
E que seja infinita nossa esperança.
E que o amor nunca nos falte
pelo caminho que decidimos seguir.

Mariana Borges

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Razão do coração


Hoje prefiro pensar com a razão
e não mais com o coração.
O coração é bobo
é tolo
se perde
se acha
se rasga
se engana.
Por isso prefiro deixá-lo de lado,
quietinho
sozinho...
Coração de papel...
tão frágil,
tão louco.
Faz feliz
faz chorar...
voa fácil
solta o laço
decepciona
emociona...

Mariana Borges

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Conflitos internos


Vivo conflitos
dentro de minha vasta escuridão.
Pedaços da minha alma me agridem.
O coração pulsa sem sentido,
triste por uma dor que não me pertence.
Os olhos se fecham não querendo mais encontrar.
Vivo conflitos
dentro da minha esculpida solidão.
O suor ingrato de minha pele
mostra que ainda vivo
mesmo que entre conflitos,
mas vivo.

Mariana Borges

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Algodão doce

Hoje passou por mim um homem
e levava em suas costas vários algodões doce.
Isso me trouxera uma breve nostalgia.

Algodão doce...
Fez me Lembrar de minha infância.

Algodão doce...
Senti me leve por uns instantes ao me lembrar
de quando ainda muito pequena
puxava minha mãe pelo braço
e pedia que me comprasse um...

Algodão doce...
Tão colorido quanto minha infância...
Que saudade de comer um algodão doce,
mas sei que mesmo com vontade de comer um...
Ele jamais terá o mesmo sabor que tinha quando eu era criança.

Mariana Borges

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Mal do século


Quando quiseres algo,
não inveje ninguém:
Trabalhe, se esforce, conquiste.
Consiga as coisas por seu próprio mérito,
com teu próprio suor...
Não dependa de ninguém, Nunca!
Quer realmente algo?
Então vá a luta.
Não fique sentado
esperando um milagre acontecer.
E olhe sempre ao seu redor...
Quem olha para o próprio umbigo
perde grandes oportunidades
e a chance de fazer lindas amizades.
Quem acha que já tem tudo
o que precisa está estagnado.
Porque o mal do século chama-se comodismo.


Mariana Borges


sábado, 21 de setembro de 2013

Amar


Amar...
Não existe fórmula
Não existe limite
nem tão pouco motivos
Amar talvez seja querer estar perto,
bem perto
sabendo que se está muito longe
É querer se ver nos olhos um do outro
é querer ver o outro feliz.

Amar...
Não existe regra
não existe explicação
nem tão pouco questionamentos
Amar é querer sorrir com vontade das bobagens que são ditas
no calor de uma tola discussão
é brigar, é discordar, é fazer chorar é sentir vontade de gritar,
mas sabendo que logo ficará tudo bem...

Amar é perdoar
É querer não estar a fim de sair e mesmo assim
querer estar junto.
Amar talvez seja querer dar um forte abraço,
mesmo sabendo que não dá.

Amar é errar
é aceitar
é entender
é esquecer.

Amar...
Não existe lógica
Não existe nada
e ao mesmo tempo existe tudo...

Amar é querer ouvir a voz do coração
é crer nas palavras observando as atitudes
é seguir em frente,
e ter certeza de que nunca estará só.

Talvez amar seja tudo isso
ou não seja nada disso...
Quem sabe o que é amar de verdade?
Talvez amar seja não saber o que é amar...

Mariana Borges

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

As pessoas

Quando fecho os olhos


Esquecer...
Mas é quando fecho os olhos é que consigo ver
o quanto estava enganado,
o quanto eu era infeliz.
Suas dúvidas me fizeram ser triste
Me secou por dentro.
Se não era verdadeiro,
para que me fazer acreditar?

Esquecer...
Mas é quando fecho os olhos que consigo ver
o quanto seu amor era falso,
o quanto eu andava em círculos ao seu lado.
Sua estupidez me quebrou por dentro
me secou...
Se não queria seguir em frente,
para que me fazer acreditar?

Esquecer...
Como?
Se é quando fecho os olhos é que consigo ver.
Se é quando fecho os olhos é que consigo me lembrar...

Mariana Borges

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Não brinque com as palavras

Um motivo para sorrir


E do que são feitos nosso dias
senão de lutas e aprendizado...
E do que é feito o nosso coração?
Talvez de ilusão...
Uma ilusão talvez mais fina
do que uma leve camada de neblina...
E do que são feitas nossas emoções?
Será que são feitas também de ilusão?
Não quero acreditar.
Mas acredito que para se ter um sorriso sincero
é preciso ter amor
é preciso ter um coração
é preciso ser feliz...
Feliz!!!
Mesmo que não se perceba...
Porque se soubermos procurar
encontraremos vários motivos
para sorrir.
Para acreditar que nossos dias são feitos além de lutas,
também de alegrias...
Cada momento é único
e devemos fazer dele nosso motivo para sorrir.

Mariana Borges

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Desistir


Já pensei em desistir...
Várias vezes.
A vida é muito dura
e nem sempre as coisas são
como a gente queria que fosse.
Mas sempre a própria vida
dá um jeito e se encarrega
de colocar pessoas maravilhosas
no nosso caminho.
Pessoas que vão nos abraçar
nos momentos
em que mais precisarmos de carinho.
Então não desanime.
Vontade de desistir?
Acalme-se.
Espere a tempestade passar,
porque só em dias ensolarados
podemos ver os problemas com mais clareza
e perceber que não há problema no mundo
que não tenha solução,
ainda mais se não estivermos sozinhos nessa vida.


Mariana Borges

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Estou feliz agora


É...
Estou feliz agora...
Apesar de todas as desilusões,
das quedas, dos arranhões, das feridas...
Estou bem agora...
As cicatrizes ainda estão aqui comigo,
não sei se vão desaparecer ou se vão ficar,
Mas eu estou feliz agora...
Porque o tempo me fez perceber
que fiz a escolha certa
e que estou no caminho certo.
De certa forma, tomei algumas decisões à força.
Tive que seguir
por uma estrada que não era
a que eu queria,
mas depois eu entendi
que era a melhor coisa para mim...
A vida me fez aprender à força
que o que eu queria para minha vida
não era o que eu precisava de verdade
e que de modo algum iria me dar
o retorno que eu esperava.
Estou feliz agora...
Talvez não com o mesmo sorriso de antes,
mas com a audácia que eu sempre deveria ter tido
e só à força fui capaz de adquirí-la.
Estou feliz agora mesmo não demonstrando como antes
Mesmo não enaltecendo como talvez devesse fazer...

Mariana Borges

terça-feira, 27 de agosto de 2013

A solidão me consola

O amor é assim


O amor é assim
Chega sem razão
Não avisa o destino
Não explica a direção

(...)

O amor é assim
Chega sem avisar
Vai roubando o espaço
Acampando devagar


O amor é assim
Chega pra ficar
Não avisa só rodeia
Não tem hora pra acabar


Mariana Borges


segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Identifico-me

Tudo o que quiser espere de você


Quer um abraço?
Então abrace

Quer um beijo?
Então beije

Quer respeito?
Então respeite

Quer um sonho?
Então sonhe

Quer um carinho?
Então acaricie

Quer ser amado?
Então ame

Quer um sorriso?
Então sorria

Quer uma lágrima?
Então chore

Quer atenção
Então a conquiste

Tudo o que você quiser
Espere unicamente de você.


Mariana Borges



domingo, 25 de agosto de 2013

Coração despedaçado

Só queria saber


Por que seus olhos demoraram tanto tempo para me procurar?
Você teve todas as chances para me fazer feliz e não fez.
Quantas vezes fiz você sentir meu coração acelerar?
Queria saber...
Nossos encontros sempre soaram como despedida
e você nunca se importou com isso.
Você teve todas as chances para me fazer sorrir e não fez.
Por que as coisas tiveram que ser assim?
Só queria saber...
O que te faltou?
Porque você teve todas as chances para me dar o melhor de si
e não conseguiu...
Por que seus olhos demoraram tanto tempo para me perceber?
Eu estava ao seu lado o tempo todo...
Queria saber...
Por que você não viu...
Você teve todas as chances...
E as desperdiçou.
Só queria saber...

Mariana Borges


sábado, 24 de agosto de 2013

Meus olhos te querem

Não deveria ter feito você sorrir


Não deveria ter feito você sorrir
Para depois
Eu ter que fugir


Nunca deveria ter te olhado
Para depois
Sentir-me culpado


Não deveria ter dito que te amava
Para depois
Transformar-se em dor ingrata


Nunca deveria ter te tocado
Muito menos
Por um instante te beijado


Mas também
Não deveria ter te deixado pra depois
Porque assim nunca saberia
Da história de nós dois

Mariana Borges



sexta-feira, 12 de julho de 2013

Felicidade


Decepcionei-me com a vida
ao descobrir que ninguém é totalmente feliz.
Talvez por isso a vida seja esse mistério.
O ser humano vive querendo alcançar o inalcançável.
E uma dessas coisas inalcançáveis chama-se: Felicidade.
Todos ouvem falar dela.
Alguns até são capazes de fingir dizendo que a tem
e outros nunca souberam o que ela significa.
Talvez ser feliz seja estar em paz consigo mesmo,
mas na verdade ninguém sabe...
Só sabemos que vivemos por algum motivo
que nunca saberemos verdadeiramente qual é.
Ser feliz não depende de nada,
pois a felicidade é tão abstrata quanto ao amor.


Mariana Borges


quarta-feira, 10 de julho de 2013

Estrada


A estrada não acabou apenas teve um desvio...
A luta só está no começo...
As flores apenas nascendo...
Um mundo real cheio de cores e sons lhe espera,
e o que é belo um dia feio lhe parecerá.
A verdadeira estrada é para poucos
e muitos vão querer fazer com que saia dela...
E quantas vezes te tirarem dela,
será o tanto de vezes que irá voltar para a mesma.
Não deixe ninguém inibir seus sonhos.
Seja correto e nunca conseguirão bloquear teu caminho,
nunca conseguirão lhe tirar da estrada.


Mariana Borges

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Quem dera que fosse assim...


Quem dera que tudo fizesse sentido...
E que o sorriso se fizesse presente todos os dias...
Quem dera que somente os sonhos bons se realizassem
e que a esperança nunca morresse...
Quem dera que amar não doesse tanto...
E que esquecer fosse tão fácil
quanto aprender uma brincadeira...
Quem dera se existisse somente lembranças boas...
E que remendar um coração fosse tão fácil quanto sorrir...
Quem dera que fosse assim...


Mariana Borges

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Por vezes


E quantas vezes achamos estar certos
sobre as incertas que a vida nos apresenta?
E quantas vezes temos que escolher?
E quantas vezes temos que abrir mão
daquilo que mais amamos em busca de um sonho que é só nosso?
E quantas vezes acreditamos que nunca vai ser com a gente
e que as coisas nunca vão mudar?
Seria mais fácil vermos lá na frente
o resultado de uma escolha que fazemos agora...
Mas felizmente ou infelizmente, quem sabe, não é assim...
E como seria bom viver um sonho de cada vez...
E quantas vezes você quis se levantar de uma queda,
mas não encontrou forças para isso?
A vida é feita de erros e acertos
e de breves e longas escolhas...


Mariana Borges


segunda-feira, 3 de junho de 2013

Minhas Perdas


Eu achava que havia te perdido.
Mas com o passar do tempo percebi que não...
Eu perdi foi tempo,
perdi minhas ilusões,
perdi meus sonhos, que mesmo loucos, eram só meus.
Perdi a liberdade dos meus sentimentos.
Perdi o brilho do meu olhar.
Perdi tanta coisa
muito mais importante do que você
e só agora percebi...
Comecei a perder até meu amor próprio,
mas esse, enfim tive tempo de resgatar...

Mariana Borges

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Sobre o tempo


Não sei quanto tempo
o tempo vai me dar
para que eu passe bastante tempo ao seu lado...
Mas o tempo é sábio...
Ele faz esquecer as mágoas...
Faz aliviar as dores
e conforta o coração...
Tempo...
Espero que me dê tempo...
Para que eu possa ser tudo aquilo
que ainda não tive tempo de ser...
E tempo para ficar ao lado de quem me merece de fato.


Mariana Borges

segunda-feira, 13 de maio de 2013

O tempo que fere, o tempo que cura.


Você quis assim...
A escolha foi sua e não minha.
Tentou-se, tentou-se e nada deu certo.
Não quero que me julgue agora.
Já me julgaram demais por eu ter agido como agi.
O passado ficou definitivamente pra trás.
Viva no mundo que você escolheu pra você.
Não quero mais lembrar,
não quero mais saber.
A vida ensina...
O tempo maltrata...
Ele mesmo fere, ele mesmo cura.


Mariana Borges





quinta-feira, 9 de maio de 2013

Enquanto...


Enquanto ia atrás daquilo que eu queria,
eu não via o que eu realmente precisava.
Enquanto dava mais valor as minhas vaidades
e não as minhas necessidades,
ia perdendo o pouco chão que me restava.
Enquanto eu te observava
deixava de olhar pra mim
e de ver o quanto eu era importante.


Mariana Borges

segunda-feira, 4 de março de 2013

Sem tempo

As coisas aconteceram tão rápido...
Foi tudo tão de repente,
que quando dei por mim já estava no fim...
Quanta mágoa...
Quanto arrependimento...
E nada disso vai adiantar agora.
Era tudo tão lindo...
Na verdade uma linda fantasia.
As coisas aconteceram tão rápido,
que não tive tempo nem de respirar.
Que nem tive tempo de me despedir...
Que nem teve jeito de remendar.


Mariana Borges


Ser feliz


Não precisa mostrar para os outros
que você está se divertindo...
Isso não vai esconder seu olhar triste.
Lembre-se que se divertir e ser feliz não é a mesma coisa...
E quando você realmente estiver feliz...
Ah...
Não vai querer mostrar pra qualquer pessoa...


Mariana Borges


quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Suas chances


Agarre todas as chances que passarem por você,
e tente fazer delas sua motivação.
A cada chance desperdiçada seu futuro muda,
e até mesmo deixa de acontecer...


Mariana Borges